E que tal um casa contentor?

Sílvia Cardoso – homify Sílvia Cardoso – homify
Google+
Loading admin actions …

Quer casa própria mas tem pouco dinheiro para investir? Não se preocupe. Há soluções. Porém, precisa de se livrar de ideias pré-concebidas e abraçar alternativas que já vão sendo usadas amiúde pelos povos nórdicos. Imagina-se a viver num contentor? Não, não é um espaço pequeno, sem janelas, com um ar irrespirável e uma estética escura e deprimente. A arquitectura moderna dedicada a este nicho de mercado transforma contentores em verdadeiras habitações de luxo por preços mais baixos comparativamente às casas comuns. Para além disso, é uma solução ecológica e todo o processo – desde a construção até à habitação – desenrola-se, no sentido, de poupar energia e, por conseguinte, custos.

Há, no entanto, coisas que deve saber antes de optar por este tipo de casa. No artigo de hoje, deixamos-lhe alguns pontos importantes e que deve considerar antes de dar o próximo passo. 

Leia atentamente. É no futuro que está a sua resposta. 

Tipos

Há vários tipos de contentores o que alarga o seu leque de hipóteses e lhe permite versatilidade.

Há os contentores mais conhecidos, em forma de paralelepípedo, com medidas convencionais. Usados para transportar os mais variados tipos de objectos, são os chamados dry storage containers.

Existem, também, contentores abertos que possuem apenas as paredes frontais e são abertos dos lados para transportar carga comprida e/ou irregular. Encontra, igualmente, contentores com o topo aberto ou completamente removível para carga alta.

Os contentores túnel juntam-se a estas opções. Dispõem de portas de ambos os lados para simplificar o processo de cargas e descargas. Existem, ainda, o oposto dos contentores túnel sendo que as portas são laterais e não nas extremidades.

Para transportes de produtos que devem ser mantidos quentes ou frios, existem contentores térmicos devidamente preparados para o efeito.

Por fim, e entre outros, também encontra contentores completamente desdobráveis, conhecidos por cargo storage roll container e contentores com metade do tamanho em altura.

Procedimentos legais

Casas industriais por eduardopetry
eduardopetry

Casa Container

eduardopetry

Os procedimentos legais podem variar de cidade para cidade. Para não lhe darmos uma informação errada, sugerimos que se informe junto à Câmara Municipal local. Na maior parte dos sítios, são tirados os mesmos alvarás e licenças comuns às casas de alvenaria. No entanto, pode haver especificidades de acordo com as zonas.

Vantagens

As casas contentor não são de uso generalizado. Mas, estão-lhes inerentes inúmeras vantagens que, possivelmente, as pessoas desconhecem.

Em primeiro lugar, o seu tamanho e peso, permite que sejam transportadas facilmente para qualquer lugar. A expressão “mudar de casa” passa a “mudar a casa” e quando tiver que trocar a sua cidade por outra ou encontrar um sítio melhor tudo se torna mais prático. Os contentores ficam aptos a habitação num período temporal entre os 60 e os 90 dias. A sua construção é, por isso, simples. Ainda assim, não pense que a estrutura é débil. Pelo contrário. Um contentor pode durar até 90 anos, resistindo às erosões meteorológicas e suportando grandes cargas. Em termos arquitectónicos, são fáceis de projectar.

Os contentores funcionam como módulos e pode encaixá-los de formas distintas para alcançar configurações diferentes, tudo sem precisar de areia, tijolo, cimento ou ferro. A sua construção tem, por isso, um impacto ambiental quase inexistente.

A instalação de uma casa contentor respeita ao máximo o terreno e lençol freático, afastando interferências nos ciclos naturais da natureza. Para além disso, pode colocar um reservatório de água para aproveitar a água da chuva que depois pode usar na lavagem do carro, da roupa ou para limpeza externa. Por todos estes motivos, é uma casa ecológica.

Pode usar um contentor como anexo no seu jardim. Para um escritório, para uma casa de arrumações, para uma casa de hóspedes, para um estúdio de música. Opções não faltam e é uma forma simples de agregar mais uma divisão à sua casa.

Desvantagens

  por EBA51

Os custos de obra num contentor são muito inferiores a uma obra tradicional. No entanto, são compostos num material cujo corte e manuseamento exige mão-de-obra especializada e equipamento também ele especializado o que acarreta custos.

A sua matéria prima é o aço, conhecido por ser um bom condutor de calor e mau isolante acústico. São, assim, necessários bons acabamentos e revestimentos para que viva comodamente.

Antes de escolher o contentor, certifique-se de que ele nunca transportou produtos tóxicos ou outros prejudiciais para a sua saúde. Peça um documento ao vendedor que o tranquilize em relação a isso.

O facto de ser em metal pode dificultar o aval de construção em certos países. Não é um material comum e pode levantar problemas a nível paisagístico.

Decorar

  por EBA51

Já que falamos de contentores, um tipo de habitação moderno, considere uma decoração de laivos também eles modernos ou industriais.

Uma casa contentor pode ir até chegar aos 200m². A sua decoração não tem, assim, necessariamente, que divergir, em relação a uma casa tradicional. No entanto, na maior parte das vezes, as casas contentores apresentam-se  numa tipologia mais pequena pelo que sugerimos que mantenha as áreas abertas e as decore nesse sentido, com homogeneidade entre elementos e paredes claras que abram um espaço e não o deixem a parecer claustrofóbico. Pode, eventualmente, pintar uma parede num tom mais colorido para que a sua casa fique com um aspecto muito “trendy”! Mais que isso não, até porque se perderiam os contrastes. Conserve a simplicidade.

Mantenha tudo organizado e livre de tralha. Opte por armazenamento minimalista que não pese no conjunto. Cores claras, um espaço arrumado e grandes janelas maximizarão o seu contentor.

Não se esqueça do espaço exterior para que o seu contentor “saiba” mais a casa. Escolha plantas, flores ou árvores bonitas que iluminem o exterior e providenciem sombra no Verão.

Exemplo

Casas modernas por Studium Saut Arte & Interiores
Studium Saut Arte & Interiores

Loft Sustentável – Ambiente da Casa Cor SC 2015

Studium Saut Arte & Interiores

É quase inacreditável olhar para esta casa e pensar que foi construída em torno de um contentor. Muitas pessoas têm a ideia de que viver numa casa contentor é viver num espaço pequeno e claustrofóbico, escuro, sem janelas e desconfortável. Mas olhe que não, olhe que não. Utilizar um contentor dá-lhe uma miríade de oportunidades de construção distintas. Não precisa de usar apenas a estrutura do contentor. Pode embelezá-la acrescentando vidros, madeiras e outros materiais e ficar com uma casa de excelência.

O projecto da imagem surgiu de uma parceria entre os escritórios Studium Saut Arte & Interiores, JJ Design Arquitectura e o Studio Ana Holzer Projetos e Planeamento Paisagístico. O interior da casa foi decorado por Arianne Saut da Silveira e Flávia Saut, a arquitecta Juliana Jagelski e a paisagista Ana Holzer. Este loft sustentável utilizar um contentor marítimo e comporta sugestões versáteis que priorizem o conforto e a integração entre espaços. O edifício dispõe de 77m² divididos entre dois pisos. A madeira empregue é madeira de reflorestamento e é utilizada energia fotovoltaica e painéis monolíticos de EPS integrados que substituem a alvenaria natural ou de vedação.

Ficou convencido? Qual lhe parece a maior vantagem e desvantagem deste tipo de casa? 
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!