Que materiais existem para o chão da casa de banho?

Rita Paião – homify Rita Paião – homify
Google+
Loading admin actions …

Já lá vai o tempo em que as casas de banho eram meros espaços funcionais, em que eram apenas equipados com as peças sanitárias, preocupando-se apenas com o lado funcional. 

Não pensar na estética associada a este espaço molhado é coisa do passado. Hoje todos procuramos uma casa de banho especial e confortável. Um espaço com que nos identifiquemos e que além de funcional, claro, seja também agradável e simpático. Com a quantidade de oferta a nível de materiais, revestimentos, peças sanitárias e decoração, é fácil criar 10001 cenários diferentes e de diversos estilos. Com um pouco de imaginação e bom gosto podem ser criados espaços inteligentes e verdadeiros paraísos de casa de banho. 

Na altura do projecto, não só as paredes e a marca das peças sanitárias e respectivas torneiras deve ser posta em causa. Também o revestimento do chão é uma das fases que deve ser bem pensada e ponderada. Deve ser confortável e ainda agradável esteticamente. Mas quantos revestimentos para chão conhece? Ajude-nos a escrever um artigo ainda mais completo!

1. cerâmica

Um pavimento em mosaico cerâmico é o revestimento mais comum quando se sala de casas de banho. Já lá vai o tempo em que as casas de banho eram totalmente forradas a azulejos brancos de tamanho 15 x 15 cm. Espaços sem personalidade e vazios de informação. 

Com o avançar da tecnologia foram aparecendo diversos formatos, dimensões, cores e acabamentos que fazem a diferença quando aplicados. Nunca caíram em desuso porque além de efectuarem bem a sua função, conseguem também com facilidade criar cenários distintos e criados em pouco tempo.

Peças cerâmicas de dimensões grandes são mais recentes e são as responsáveis por conseguir ambientes de estilo moderno e contemporâneo, já que as linhas das juntas se vêem em menos quantidade e a superfície do chão parecer quase só uma. Uma novidade que tem vindo a ser cada vez mais aperfeiçoada é a cor das juntas, podendo ser criado um jogo de superfície toda da mesma cor, ou, usar por exemplo cerâmica branca e juntas pretas.Um aspecto a ter em conta, é que a casa de banho é um espaço de movimentação de águas, logo o pavimento deve ser antiderrapante, evitando a todo o custo quedas e acidentes.

2. pedra natural

A pedra natural é um dos melhores materiais de construção, produzido obviamente pela natureza. Devido à sua extracção trabalhosa do ambiente em que se insere o seu custo é elevado. Felizmente, com o evoluir da tecnologia, o seu processamento é mais económico e eficaz, podendo assim todos, ou quase todos, terem acesso a este material de revestimento. Nesta imagem o material natural, destaca-se pela sua aparência estética capaz de causar conforto, serenidade e uma aparência distinta e elegante.

A pedra natural está disponível em dois acabamentos: polida ou natural. A polida oferece uma superfície brilhante e a rugosa por não ser tratada, é mais rugosa, por isso é a escolha mais acertada para revestimento de chão. As características principais deste material é a sua resistência a altas temperaturas e humidade e ainda a quebra. Além disso, a superfície quando polida, é fácil de limpar e manter. Outro aspecto positivo é que pode colocar-se aquecimento sob a pedra natural com radiadores (piso radiante) garantindo um clima agradável e perfeitos para momentos de bem-estar absolutos.

3. mármore

O mármore é um material muito especial e nobre que se destaca devido a sua textura única/desenho. Faz parte da gama das pedras naturais mas é visto de forma ligeiramente diferente.  O mármore cresce de baixo da terra, através de uma longa conversão de diferentes minerais que são expostos a temperaturas e pressões extremas. Por isso se explica porque o mármore é um dos materiais/pedras mais caros. 

O mais conhecido talvez seja o, mármore de carrara italiano. Conhecido por ser o mais branco de todos apesar de ter um amplo espectro de cores, em diferentes matizes. Uma vez que é um material natural, cada peça é única, logo mais valiosa.

Além das duas propriedades criativas, o mármore oferece também uma fácil limpeza por ser totalmente resistente à água, o que quer dizer que é também adequado a revestimento de chão em casa de banho.

4. madeira

Especialmente na casa de banho, onde se anda muitas das vezes descalço, sabe bem ter um piso quente de baixo dos pés. E o que é mais natural que um revestimento em madeira? A ideia de que a madeira e a água não se dão bem juntas é totalmente errado e uma informação totalmente desactualizada. A madeira apenas precisa de um tratamento especifico e manutenção cuidada para estar operacional. Espécies de madeira como o carvalho ou a nogueira são mais adequadas já que são duras.

Dica: Recomenda-se colar todo o revestimento de madeira ao chão inferior, de modo a que em contacto com água não haja a hipótese de levantar. É ainda aconselhável ser tratado com óleo especifico ou cera, de modo que a água não seja facilmente absorvida criando manchas. O tratamento é bastante fácil e assim poderá confiar com segurança num assoalho em madeira na sua casa de banho.

5. cimento

Piso cerâmico, madeira ou pedra não são suficientemente diferentes e especiais para si? Temos a solução da moda: cimento! Conseguirá um espaço de aparência minimalista e até industrial se escolher este material para revestimento de paredes ou pavimento. A mistura e o carácter muito forte do cimento dão ao espaço de banho um olhar minimalista mas também nos convence com suas propriedades. Um piso em cimento é muito robusto, é estável e, portanto muito resistente. O cimento pode ser instalado com pouco esforço e em contraste com outros revestimento de soalho, este é muito eficaz em termos de custos. 

6. vinilico ou linóleo

Qualquer pessoa que já tenha conhecido uma casa de banho com piso em vinil, se deve lembrar como é confortável e suave. Soft é exactamente a palavra certa, porque o seu acabamento plastificado garante que seja particularmente maleável e quente.

Finalmente uma solução sintética possível para o revestimento do chão da sua casa de banho. Deve ainda escolher uma qualidade/tipo de linóleo mais espessa e com grande protecção anti águas. Outra vantagem é poder sem aplicada numa superfície só ou em várias de diferentes formas e tamanhos, conseguindo por vezes até elaborar pavimentos com estampados mais

Uma desvantagem, no entanto, é que um chão de linóleo pode facilmente ganhar fissuras, aumentando o crescimento de bolores e de zonas com humidade. Para evitar isso, antes da sua aplicação o piso deve estar extremamente nivelado.

Que pavimento o convence mais da sua função? E qual gostaria de experimentar?
Habitações  por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Peça a sua consulta grátis

Encontre inspiração para casa!