Terraços  por Selecta HOME

Uma transformação arrebatadora de uma casa de praia

Rita Paião – Homify Rita Paião – Homify
Google+
Loading admin actions …

Uma casinha. Não é uma habitação, nem um apartamento é simplesmente um refúgio de sonho. Os proprietários encomendaram uma casa na praia porque queriam um lugar onde pudessem passar os seus dias de descanso de forma mais relaxada, com uma vista deslumbrando sobre o mar. Os fins de semana ganharam outra cor depois da remodelação da mesma. Queriam associar este espaço a um lugar onde conseguiriam desligar da vida diária mais stressante e corrida. Aqui, podiam fechar os olhos e relaxar com facilidade fosse em fins de semana compridos ou mesmo em férias.

Por isso os arquitectos do gabinete Selecta Home receberam alguma premissas que tinham de ser seguidas e postas em pratica na remodelação desta casa. Sabiam ao certo o número de divisões que queriam e como as queriam transformar. Uma sala onde pudessem dormir uma sesta ou até um duche de água quente no exterior com vista para a praia. Conheça este projecto de remodelação através das fotografias de Germán Cabo…

Antes: simples emodesta

Esta é a fachada pela qual se acede aos interiores e está colada ao areal da praia – tem uma localização perfeita! Foi uma herança de um familiar do proprietário e encontrava-se praticamente abandonada. Era visível que a mesma tinha imenso potencial, tanto pela sua localização junto ao mar, como pelas recordações que ela continha.

Vejamos a transformação da casa, desde o seu estado original ou estado actual !

Incríveis vistas sobre o mar

Esta é a a vista que esta casa tem mal abre as janelas ao acordar. Encontramos-nos em Alicante e estas  vistas parecem ter sido encomendadas. Um lugar precioso para passar as férias e relaxar entre muita areia, luz e azul. Com esta vista o projecto só podia ter ficado magnifico…

Antes: interiores escuros e muito compartimentados

A casa de 60 m² estava demasiado dividida e tinha pouca luz interior, o que era na realidade inadmissível, com toda a vista que vimos na foto anterior. Faltavam opções de armazenamento e arrumação, assim como de um estilo homogéneo e claro em toda a extensão da casa. As madeiras do solo e os móveis necessitavam de ser substituídos por outros mais actuais que trouxessem a frescura que tanto se ambicionava.

Depois: um interior luminoso e fresco

Como pode ver, a diferença é abismal. Agora as paredes e as carpintarias luzem um branco puro e o pavimento foi revestido a cerâmica de cor casca de ovo. O espaço é agora mais amplo e tem como fundo do túnel o jardim voltada para as traseiras da casa. Por essas janelas entra muita luz e a mesma ultrapassa e espalha-se por todos os interiores. Agora a sala de estar e a cozinha comunicam entre si de forma poderosa. O sofá de pele branca foi a melhor escolha para a sesta depois de almoço, com olho no exterior e com o pensamento nas ondas do lado oposto.

Agora: cozinha com ligação ao jardim

A grande janela que dá para o jardim traseiro, conecta-se com a sala, mas também o faz com  cozinha. Esta converteu-se num espaço aberto com linhas minimalistas e de aspecto industrial. Os candeeiros de tectos brancos destacam-se no espaço devido à sua forma original. O balcão de bar serve tanto para pequenos almoços e refeições rápidas, como para preparativos de refeições. Repare como o mesmo continua e se prolonga pela sala fora, servindo de prateleira para a colecção de livros. Desta forma, todos os espaços estão ligados e conectados visualmente, formando um conjunto harmonioso.

Depois: a madeira como constraste

No centro da casa foi localizado um móvel que guarda tanto espaço de arrumação, como a própria televisão e ainda a casa de banho como podemos comprovar pela imagem. Aliás, serve também de divisão entre a sala e o quarto e reveste-se a madeira escura ( como o balcão de cozinha) gerando um contraste grande com as superfícies e os móveis brancos dispersos pela casa.

Antes: o jardim

Como pode comprovar, o estado do jardim era bastante deprimente. Só a árvore continuava verde e com folhas novas mostrando vivacidade. Mas era a única, porque o restante espaço estava cinzento e completamente abandonado. Quase em ruínas e cheio de vegetação seca .. mas a solução não tardou em chegar!

Depois: ligações directas

Nesta grande janela que dá acesso ao interior, vemos reflectido parte do jardim e por momentos já conseguimos perceber como está organizado. Ainda assim, muito está por desvendar. Devido aos seus muros altos a privacidade é completamente assegurada e o local preferido para finais de dia de Verão.

Chegar da praia, tomar um banho no duche de água quente e descansar do dia de sol e areia que tanto mói.

A mudança final!

O jardim é nada mais nada menos que uma zona simpática mas pouco ajardinada. Apenas alguns vasos do lado oposto dão cor às paredes pelas trepadeiras cheias de vida própria. Na mesa branca olha-se as chamas num vazio profundo, em que o único pensamento que se sente é de a maior calma e plenitude de sempre. Aqui, fazem-se churracos maravilhosos a dois ou na companhia de todos os amigos. O céu azul adivinha ser hora de lusco fusco e assim no despedimos até ao próximo artigo.

Deixe-nos saber mais sobre o seu gosto pessoal...prefere casas no campo ou na praia?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!