Natal no Reino Unido – Costumes e tradições

Rita Paião – Homify Rita Paião – Homify
Google+
Loading admin actions …

Desta vez o país escolhido é o Reino Unido. Lá, o Natal, também é um momento muito especial. Sabemos que ele começa a aproximar-se quando as decorações de Natal começam a enfeitar as ruas, quando as pessoas começam a pensar em decorar a própria casa e percebem como o Natal é importante e o que significa para as suas famílias.

A maioria dos Ingleses segue as tradições comuns de Natal, praticada por muitos séculos. Dar e receber presentes, passar o tempo com os entes queridos, viver a festa, beber, cantar, decorar as casas com luzes, meias com prendas e claro, uma árvore de Natal fazem parte de todas as suas tradições. Com as músicas de Natal e pontos turísticos cheios de gente começam nesta altura do ano, eles só pensam em honrar as tradições de Natal e praticá-las com muito carinho.

A história de São Nicolau

Casa  por EuroNatale SRL
EuroNatale SRL

Babbo Natale

EuroNatale SRL

Existem muitas lendas sobre São Nicolau, mas todos têm uma característica em comum, de ser um homem rico e generoso que espalhou a sua riqueza dando presentes para os mais necessitados. Uma história de São Nicolau conta como ele ajudou  três irmãs, largando dinheiro para dentro da chaminé onde viviam, assim, o pai das irmãs conseguiu dar-lhes uma vida melhor e ainda pagar o casamento de uma das filhas. O pai das irmãs tentou descobrir quem era St. Nicholas (como eles lhe chamam), pois estava determinado em agradecer o gesto tão generoso ao ter deixado dinheiro em sua casa. 

Séculos mais tarde, a lenda e a generosidade de St. Nicholas vive na versão mais moderna – Pai Natal, um homem generoso que dá presentes para as crianças no dia de Natal.

Txim Txim !

  por The White Company
The White Company

Christmas Range

The White Company

A Noite de Natal no Reino Unido geralmente envolve uma coisa: muitos brindes e bebidas! Em muitos países, a véspera de Natal é um dia tão importante como o próprio Natal, mas no Reino Unido eles concentram-se mais no dia de Natal. Para as crianças, no entanto, a véspera de Natal é um momento emocionante, um sentimento que todos os pais podem reviver. As crianças penduram a sua meia e animadamente tentam dormir, sabendo que o Pai Natal, pela manhã irá visitá-los, deixando presentes. É comum eles deixarem em cima da mesa de refeições alguns pastéis de carne e leite para o Pai Natal e algumas cenouras para as suas renas (motivo de brincadeira que ajuda na ilusão das crianças por esta época).

Então o dia de Natal chega. É a altura de abrir os presentes e claro, de fazer festa! Na Idade Média, era um feriado bem estabelecido e importante, com costumes característicos e muito ricos, música e festa, muitos dos quais ainda continuam a ser celebrados nos dias de hoje. 

Após os presentes serem abertos é hora de tomar o pequeno almoço ou para algumas famílias britânicas, é costume visitarem a igreja na manhã de Natal.  O almoço de Natal é a maior refeição do dia, com uma grande variedade de carnes, incluindo, claro, o peru assado tradicional, completo com todos os acompanhamentos. Depois da refeição, é hora de passar para o sofá, aproveitando para descansar e carregar baterias até à hora de jantar.

12 dias de Natal !

Salas de estar campestres por Farrow & Ball
Farrow & Ball

Christmas '14

Farrow & Ball

Os doze dias do Natal é algo que é falado no Reino Unido todos os anos, mas o que é realmente? É uma celebração cristã que começa no dia de Natal e dura até 06 de Janeiro. Comemora-se o o nascimento de Jesus Cristo, como Filho de Deus. 

É um período de festa, e embora não seja estritamente praticada como uma celebração de 12 dias eles têm como tradição desmontar a árvore e as decorações até dia 6 de Janeiro. 

A mensagem da rainha

A mensagem de Natal feita pela rainha também tem um papel muito importante no dia de Natal na Grã-Bretanha. Enquanto a maioria está a tentar digerir o almoço de Natal, a rainha Elizabeth entrega o seu discurso para a Grã-Bretanha e para todo o mundo, a Commonwealth.

Esta tradição começou em 1932, quando o Rei George V fez um discurso, que iria começar a fazer parte integrante do dia de Natal na Grã-Bretanha.

O frenezim das compras

  por KaDeWe

Boxind day era tradicionalmente uma época de dar presentes para funcionários das empresas e amigos. Esta tradição tem origem nos tempos medievais, quando os padres esvaziavam a caixa de esmolas da sua igreja e distribuíam por entre os pobres. 

Hoje em dia, tornou-se um dia para os caçadores de pechinchas, com as lojas a abrir as suas portas e serem atacadas por caçadores de preços baixos. Só no ano passado, £ 2600000000 foi o valor feito no ultimo dia.

Como pode confirmar, o Natal é uma tradição que remonta à muitos séculos, e é um momento de generosidade, religião, festa, e acima de tudo, de família. 

Adivinha qual é o próximo País a ser falado por nós ?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!