Bancadas de cozinha: 10 fantásticos modelos

Mariana Garcia – Homify Mariana Garcia – Homify
Loading admin actions …

Ahhh, a cozinha! Esse espaço que nos devolve memórias de infância, da avó a fazer bolos ou da mãe a preparar o nosso prato favorito! Haverá sítio com mais memórias olfactivas boas que a cozinha?

Certamente que não haverá um consenso em relação ao espaço, à composição e à conjugação de todos os elementos desta divisão da casa, mas uma coisa é sabida: cozinha sem bancada não é cozinha! Independentemente do uso que lhe possamos dar (uns mais, outros menos, dependendo da apetência para os cozinhados ou a necessidade real de os fazer), torna-se imperativa a existência de um sítio onde possamos preparar os nossos alimentos ou pousar os sacos das compras.

A dimensão da bancada também dependerá com certeza da área da cozinha. No entanto, pequenos espaços também poderão ter excelentes resultados, se tivermos a visão certa (quer seja a nossa, quer seja a de um profissional da área, entendido no assunto).

Hoje em dia, as opções são cada vez mais diversificadas e não há razão para que a nossa cozinha, sendo feita de raíz, não tenha o nosso cunho pessoal. Claro que o orçamento pode dificultar a concretização do ideal, mas as alternativas não faltam!

Para que não fiquem sonhos por sonhar, seguem-se algumas ideias de como fazer deste espaço o seu espaço:

O eterno branco

O branco, utilizado nas mais diversas situações do mundo actual, ajuda-nos a manter o ambiente limpo, na medida em que denuncia quase qualquer sujidade. Além disso, dá a sensação de aumento de espaço, o que funciona bem em cozinhas pequenas. Na hora de escolher a sua bancada, ainda há muita gente que opta por soluções mais simples, que podem ser conjugadas facilmente com outros elementos – e que funcionam à vista tão bem como outra qualquer.

Indústria com estilo

As cozinhas do tipo industrial estão na moda: para aqueles cujos dias são piores que uma maratona, a bancada desta cozinha (lisa, simples e desocupada) oferece a sensação de soluções rápidas e limpas.

Vamos jogar xadrez?

Cozinha  por NOS Design
NOS Design

2. Vista dell’open space

NOS Design

Para os mais ecléticos, existe a possibilidade de conjugar a cozinha com um xadrez arrojado na bancada; aliando-o a cores fortes, somos quase que de imediato transportados para um diner americano. Fica a faltar a jukebox, mas é uma questão de espaço, gosto… e talvez algum investimento financeiro. No entanto, se uma das indecisões no momento da escolha da superfície da bancada passar por este tipo de padrão, lembre-se que a intenção é que este seja duradouro… Se lhe passou pela cabeça que pode facilmente fartar-se desta combinação, pondere duas vezes antes de se decidir.

Bancada Tudo-À-Mão

Numa bancada com uma grande área, é possível termos utensílios, pequenos electrodomésticos, especiarias, fruteira e até aquele bibelot que trouxemos da nossa última viagem e que assenta na perfeição na decoração da nossa cozinha! Quem fica feliz? As visitas que adoram ajudar na altura de cozinhar ou o cônjuge menos apto na culinária, pois não estão constantemente a perguntar onde está o quê. O anfitrião agradece, pois assim pode tomar com calma o copo de vinho acabado de servir.

Estilo M&M

O slogan desta cozinha criada pela Home Staging Factory podia perfeitamente ser ’Keep it simple’ – o Mármore (que nos transporta para as cozinhas antigas) dá-lhe um toque requintado, enquanto a Madeira clara torna o espaço leve e actual. Para os aficcionados pela tradição, mas que não querem o peso da mesma, a escolha deste estilo ajuda a conjugar o melhor dos dois mundos.

Cozinha-suspense

Loios:   por OODA
OODA

Loios

OODA

Esconder a bancada, juntamente com outros elementos da cozinha, funciona na perfeição. Se for numa kitchenette, aumenta drasticamente a área da sala, por parecer ser apenas um armário. É uma excelente solução para pessoas práticas e inovadoras!

Bancadas duplas

Para cozinhas rectangulares e compridas, mas com largura suficiente, a aplicação de bancadas em ambos os lados do comprimento duplica-nos o espaço útil da cozinha. Além disto, o vidro temperado, por ter uma grande resistência térmica e ser de fácil manutenção, é um aliado nesta divisão da casa.

Torne-se excêntrico, compre uma ilha!

Cozinhas modernas por r79
r79

Residencia 41BJ

r79
r79
r79

A utilização de ilhas na cozinha tem sido amplamente difundida entre profissionais e altamente aplaudida pelos utilizadores. Este tipo de bancada é super prático, sem nunca abandonar o estilo moderno e contemporâneo. Além disto, promove o convívio do cozinheiro com as visitas, pois evita que o primeiro esteja constantemente a escolher estar de costas para as panelas ou para os convidados. A possibilidade de arrumação por baixo e a toda a volta torna-a uma escolha extremamente funcional e o facto de ter uma área de tampo grande carimba-a como versátil, podendo ser utilizada como bancada de cozinha, mesa de refeições e ainda secretária para os trabalhos de casa dos mais pequenos.

Qual é a curva mais bonita de uma cozinha?

A da bancada, com certeza! Menos comum, mas nem por isso menos bonita ou funcional, existe a opção de bancadas curvas, que se tornam um marco na casa. Depois de verem tudo o que guarda aqui e como a utiliza, os seus amigos e familiares nunca mais vão ver a sua casa como outra qualquer!

Aqui, e uma vez que as linhas já falam por si, a melhor opção será conjugar materiais mais simples, que encham menos a vista. A pedra clara com a madeira escura funcionam na perfeição!

Cozinha-camaleão

Uma excelente alternativa para não nos cansarmos da nossa bancada é optar por escolher a cor branca para a mesma e aplicar lâmpadas de néon por baixo dos armários superiores. O resultado? Uma cozinha cujo ambiente se altera conforme a cor das lâmpadas que escolhemos! Poder-se-á criar um ambiente mais romântico, de amigos, familiar, tranquilo ou agitado, pois qualquer que seja a cor seleccionada, a bancada irá de imediato transmiti-la para o resto da divisão!

No momento da escolha da bancada para a sua cozinha, deverá apenas que ter em consideração os seguintes pontos: funcionalidade, versatilidade e o seu gosto! Lembre-se que tendencialmente são materiais duradouros e que portanto têm que dar ao espaço algo que o transmita a si para o ambiente!

De resto, deixe que o usufruto da cozinha crie por si só as memórias.

Gostou deste artigo? Deixe uma crítica na caixa de comentários!
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!