Como guardar ou expor as suas revistas como obras de arte

Rita Paião – Homify Rita Paião – Homify
Google+
Loading admin actions …

Quem diz revistas, diz livros, diz catálogos, panfletos. Tudo conta. 

Deve ser por termos de escrever sobre diversos artigos de diferentes áreas que os redactores da Homify têm visto o seu monte de revistas a aumentar substancialmente. Acontece-lhe o mesmo? Assina ou compra as suas revistas todos os meses e já não sabe como e onde as guardar? Gosta muito delas e de as ver perto de si, ou porque a qualquer altura pega numa e dá uma vista de olhos, ou somente porque achas que as capas são maravilhosas e merecem estar à vista. Não desespere. Vamos dar-lhe diferentes ideias inspiradoras que pode pôr em pratica mal tenha um tempinho livre, quem sabe no fim de semana. 

Modelo ambiental

Escritório e loja  por Icaras 3D
Icaras 3D

Estantería modular para oficina – Imagen 3D

Icaras 3D

É só a nós que a composição feita nesta parede nos faz lembrar os favos numa colmeia de abelhas? Adiante.

Uma parede em sua casa sem vida pode passar a ter uma função: guardar os documentos preferidos e ainda juntar objectos pessoais. A ideia projectada pelo gabinete madrileno ICARAS 3D é, ir adquirindo estas peças a gosto e consoante necessita. Tem a vantagem de não ter de investir muito de uma só vez e ainda de poder criar a sua trama e desenho que mais gosta conforme a aquisição. Pode também escolher a cor que mais se adequa ao seu espaço e escolher ainda a posição em que a vai prender à parede. Portanto, cada trama construída será única e especial.

Dois em um

Este carrinho oferece-nos uma opção dupla: mesa de apoio apoiada sobre rodízios e mesa com espaço para arrumação. É uma ideia simples e bastante prática. As rodas facilitam a mobilidade, podendo deslocar-se sem esforço o carrinho para a zona de leitura ou, quem sabe, até para a zona de refeição para servir de apoio a bebidas ou sobremesas. Podemos apelida-la de mesa polivalente. 

São objectos como este que são uma escolha inteligente para adquirir numa próxima compra ou para juntar à sua lista de prendas de aniversário ou casamento. Aproveite a ideia, não se vai arrepender.

Neste caso, um material translucido como acrílico ou vidro transmite-nos pureza e sofisticação. Mas existem diversas opções com materiais e diferentes alturas. Temos noção, que a capacidade de armazenamento de revistas não é muita, mas, poderá apenas seleccionar as que mais gosta e te-las sempre perto de si.

Obra de arte

Posso estar enganada mas todos nós temos um livro sobre um tema que nos é especial. Alguma revista com melhor impressão ou edição limitada que guardamos com muito carinho num lugar escondido, claro está, para não se estragar. Mas, e se a ideia que sugerimos for completamente oposta? 

Sabe aquele serviço de loiça que a sua avó tem muito bom e muito bonito (diz ela) que só aparece em alturas especiais como o Natal ou a Páscoa em família? Ou, as pratas que a sua mãe herdou e estão escondidas, e embrulhadas em panos porque são valiosas e não são para usar todos os dias. Ou aquele par de botas que comprou num momento de loucura onde  gastou o ordenado inteiro e só as usou 1 vez?

Na nossa opinião esta atitude está errada. Devemos usar e abusar do que realmente gostamos. É valioso? Não importa. Aproveite mais ainda e exponha, use e tenha sempre em modo de exposição – à vista. Vai começar a dar mais valor às coisas boas da vida. 

Para esses objectos especiais ganharem vida, arrume outros nas gavetas e deixe-os fazer o papel deles. Vão brilhar e parecer obras de arte. Dar-lhes importância e significado é possível sendo o único em cima de uma mesa ou direccionando ainda uma ponto de luz sobre o mesmo. Vai parece que está em exposição e é isso mesmo que quer!

Prateleiras ao metro

Salas de multimédia  por naughtone
naughtone

Manchester Central Library

naughtone

De certeza que já foi a um café, a um restaurante, biblioteca,loja ou hotel em que a maneira que decidiram expor folhetos, revistas e livros foi em prateleiras. Mas em vez de simplesmente deitar a revista porque não coloca-la ao alto ficando com a capa bem à vista chamando qualquer leitor a lê-la? A ideia foi bem pensada por isso levou a que começássemos a ver prateleiras ao metro por muitos sítios em que passamos. Verificamos que estas servem também para expor e pousar fotografias, quadros, telas, e ainda objectos pessoais. É uma maneira de preencher paredes de grandes dimensões ou apenas dar vida e função a cantos vazios.

A ideia da imagem é da autoria do gabinete Naughtone de Inglaterra.

Original ou piroso

Escritório  por GRUPO ARTS and CRAFTS
GRUPO ARTS and CRAFTS

CAJAS TONTAS (estantería/almacenamiento)

GRUPO ARTS and CRAFTS

O conceito de aproveitar e reutilizar objectos antigos e dar-lhes uma nova vida já não nos é nada estranho. Aliás, podemos afirmar que está bem em voga. É comum em decorações de grandes e conceituados designers onde verificarmos a miscelânea de diferentes estilos e conceitos. É neste conceito que comparamos o contraste de peças novas de design de autor, misturadas com outras com mais história e antigas.

Televisões e rádios antigos são objectos que facilmente podem ganhar uma nova vida. Basta retirar o miolo interior e colocar no interior o que bem desejarmos. Se gostou da ideia pode pô-la em prática, se não, não desespere temos ainda mais ideias que o vão fazer ganhar inspiração.

Menos é mais

Esta frase temos vindo a mencionar vezes sem conta, realmente está bastante presente em dezenas de imagens que partilhamos consigo. É mais uma vez a prova, de que o mais simples e básico pode ser especial e suficiente. 

Uma pilha de revistas, quando juntas e organizadas podem fazer milagres em qualquer canto de sua casa. Seja como substituta de mesas de cabeceira, como apoio ao sofá, como mesa de televisão com um tampo em vidro por cima..as soluções mais uma vez são infinitas. 

Pode brincar ainda com a cor da lombada das mesmas. Criar tipo uma torre em que as cores da lombada vão formando um degradé ou um arco íris. Ou simplesmente organizar por pilha de cores. 

Não se coíba de parar de comprar revistas. A pilha pode chegar ao tecto !

Obra de arte em constante mutação

Objectos que mudam de função e que se adaptam a várias divisões, são sempre uma valia. Como foi o caso da mesa com rodinhas da segunda foto. 

Este objecto que foi estrategicamente colocado por cima do aparador de madeira completa na perfeição a sua função. Pode parecer quase como uma tela, uma pintura, um objecto de arte e ainda ir-se a gosto, adicionando livros no seu interior. A peça é materializada com elásticos largos de cor preta, esticado através de suportes redondos de madeira.

A obra de arte pode portanto adquirir diferentes aspectos, dependendo se coloca ou não livros e revistas no seu interior e a quantidade que coloca.

A proposta é da designer Italiana, Ariana Vivenzo.

Vai organizar as suas revistas no fim de semana?Que ideia escolheu? Diga-nos de sua justiça !
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!