Para divisões pequenas, mesas de quatro cadeiras!

Sílvia Cardoso – homify Sílvia Cardoso – homify
Google+
Loading admin actions …

Numa cozinha e sala de jantar, a escolha de mesas e cadeiras é importante. Se forem divisões pequenas, as mesas com quatro cadeiras são ideais. Tomam de empréstimo pouco espaço e convidam a uma refeição intimista e familiar. Mesmo que se trate de um apartamento ou casa onde só habita um casal, convém ter mais dois lugares na mesa para receber família ou amigos.

Actualmente, os conjuntos de mesas e cadeiras que encontramos nas imagens que até nós chegam, sobressaem pelo contraste de elementos. Não raras são as vezes em que vemos mesas rústicas com cadeiras modernas ou mesas com uma cadeira de cada cor ou estilo, numa mistura ecléctica e divertida.

No artigo de hoje, deixamos-lhe dez exemplos para replicar em sua casa. Venha vê-los!

Mesa de madeira, cadeiras brancas

Nesta imagem, a mesa de quatro cadeiras aparece junto à ilha de cozinha, dando quase a percepção que as duas se resumem num só volume. Para optimizar um espaço pequeno ou concretizar a ideia de uma área aberta, pode optar por uma arrumação de móveis semelhante à da imagem. As cadeiras que compõem a área de refeições são em branco, criando um contraste em relação à mesa, mas em harmonia com a ilha. Desta forma, o chef de serviço lá em casa pode estar em amena cavaqueira com quem está à mesa. Um bem haja à partilha de momentos e ao convívio.

Um conjunto moderno em Bilbao

Salas de jantar modernas por URBANA 15
URBANA 15

Apartamento 45m2 en el Ensanche de Bilbao

URBANA 15

A cozinha que vê na imagem integra um sótão em Bilbao e abriga uma mesa redonda, um formato mais invulgar quando comparado ao rectangular. Tem uns pés particularmente curiosos, que se assemelham a um cavalete. A madeira da mesa é precisamente da mesma cor da madeira que reveste os móveis e a península. No entanto, e para se criar um contraste, as cadeiras em torno dela arrumadas são brancas, também de linhas modernas e minimalistas. É uma área de refeições muito agradável que apesar de estar aberta para a cozinha – e vice-versa – tem o seu espaço próprio devido à separação demarcada pelo balcão.

Pink matter

Neste apartamento londrino, a mesa branca aparece ladeada por cadeiras em madeira cuja parte metalizada se encontra pintada a cor-de-rosa. É um pormenor colorido, leve e diferente que cria um efeito visual interessante com o chão em xadrez preto e branco. Aliás, a paleta cromática, no seu conjunto, resulta numa divisão divertida e jovial que, ainda assim, não perde a sua essência industrial.

Misturas eclécticas

Remodelação T4 . Bairro de Alvalade, Lisboa: Salas de jantar ecléticas por BL Design Arquitectura e Interiores
BL Design Arquitectura e Interiores

Remodelação T4 . Bairro de Alvalade, Lisboa

BL Design Arquitectura e Interiores

Num lado, um aparador em madeira antigo. Do outro, uma mesa circular branca e moderna. Duas peças que, em estilo, nada têm a ver, mas que juntas, na mesma divisão, fazem todo o sentido. Aliás, uma mesa castanha nesta divisão iria, por certo, torná-la pesada e monótona. Assim se leva o passado ao encontro do presente numa altura em que já não se usa optar por mobiliário todo a condizer. Se é entusiasta de uma decoração ecléctica, então esta fotografia faz, por certo, as suas delícias. Arrisque misturar uma mesa e cadeiras modernas com uma peça antiga cheia de história.

Leveza escandinava

Salas de jantar escandinavas por pur natur
pur natur

Möbel, Boden und Beleuchtung bilden eine perfekte Symbiose

pur natur

Mais um espaço aberto, desta vez num apartamento em Berlim, onde a mesa e cadeiras aparecem adjacentes à cozinha. O estilo escandinavo é evidente em toda a divisão e a mesa não é, naturalmente, excepção. A madeira muito clara já vem sendo apanágio de decorações nórdicas e cria uma sentido de leveza e sofisticação inigualáveis. Repare no design das cadeiras e dos pés da mesa que, na sua simplicidade, forma linhas originais e dinâmicas.

A rusticidade em pleno

A ilha desta cozinha integra um avançado, a um nível ligeiramente inferior, que funciona como mesa. Quando tem uma ilha pode optar por construir uma estrutura semelhante, mais baixa e mais cómoda para refeições longas ou, pelo contrário, colocar bancos de pé alto para que possa comer as suas refeições na própria ilha. Aqui é o primeiro caso. Do lado de fora da ilha, existem duas cadeiras estofadas a pele e do lado de dentro, porventura para facilitar a circulação e criar contraste, encontramos dois bancos que mais não são do que troncos de árvores esculpidos e adaptados ao efeito. Foi esta a solução que se encontrou para este ambiente rústico em que a madeira manda. O que lhe parece?

A energia do amarelo!

A envolvência desta sala de jantar transporta o nosso imaginário para a cultura pop e algumas das suas referências. As chapas na parede assim o denunciam. A mesa assenta sob um único pé cilíndrico e tem um acabamento brilhante que beneficia dos reflexos que a luz que perpassa a clarabóia propicia. O ênfase está, no entanto, nas cadeiras de design amarelas que acrescentam cor e samba a este espaço, não fosse ele de uma moradia brasileira com vista para o Cristo Rei. É um conjunto divertido que ficaria “a matar” na casa de um casal jovem!

Preto no branco

Salas de jantar modernas por itta estudio

Por esta altura já terá percebido que estas cadeiras de design estão na moda. E estão muito bem. Brancas, coloridas ou em acrílico, conseguem sempre ser uma referência visual interessante assim que pousamos os olhos nos espaços onde elas estão. Encontramo-las, quase sempre, a criar contrastes. Ora em termos de estilo – vemo-las amiúde a rodear mesas de madeira rústicas e antigas -, ora em termos de cor. É o caso nesta imagem de um apartamento com uma sala de jantar exígua em que as cadeiras pretas aparecem em torno de uma mesa branca e quadrada, um formato que se adapta a qualquer cantinho.

Numa decoração clássica

Timeless City: Salas de jantar modernas por Preto Marfim
Preto Marfim

Timeless City

Preto Marfim

Numa perspectiva mais clássica e, já agora, “made in Portugal”, deixamos-lhe esta imagem de uma sala de jantar decorada pela Preto Marfim Arquitectura & Interiores, com um bonito – tão bonito! – conjunto de mesa e cadeiras. A par com uma boa iluminação, móveis suspensos ou superfícies espelhadas, está o vidro para emprestar leveza visual ao espaço. E é em vidro o tampo da mesa desta sala apoiado num elegante pé metalizado.  As cadeiras – oh as cadeiras… – aparecem estofadas com dois tecidos distintos, um azul celeste texturado na parte de trás e, em frente, pele em castanho muito escuro. Uma combinação perfeita para uma sala também ela perfeita. E requintada. E portuguesa!

Pattern clash

Aqui pela homify, apreciamos a ousadia de uma boa mistura de padrões. É arriscado, pois que é e há que ter olho clínico para conseguir um resultado bonito e não um acidente em câmara lenta. Esta sala, proposta da Jorge Cassio Dantas Lda. traduz um exemplo no qual se pode inspirar. As paredes aparecem revestidas com um papel de parede cheio de folhagem entre o rosa velho e o castanho e as cadeiras são, também elas, estofadas com um tecido com um padrão geométrico preto e branco. Para quebrar a densidade desta divisão, optou-se por uma mesa simples e branca com formato oval.

De qual destas opções mais gostou? Qual escolheria para a sua sala de jantar ou cozinha?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!