Ginásios – fotos, inspiração e design

  1. Moradia em fazenda - Tipologia T6: Ginásios campestres por EsboçoSigma, Lda
    Ad
  2. MORADIA ESTORIL: Ginásios modernos por fernando piçarra fotografia
  3. Precisa de ajuda com o projecto de sua casa?
    Precisa de ajuda com o projecto de sua casa?
  4. "Pier 67" : Ginásios modernos por Arpadór,  Arquitectos e Associados, lda
  5. Ginásios clássicos por homify
  6. Ginásio: Ginásios minimalistas por NHarchitects
  7. Ginásio: Ginásios minimalistas por NHarchitects
  8. Precisa de ajuda com o projecto de sua casa?
    Precisa de ajuda com o projecto de sua casa?
  9. Ginásio: Ginásios minimalistas por NHarchitects
  10. Espaço Desportivo: Ginásios minimalistas por NHarchitects
  11. Dressing room F.C.Porto Football Team: Ginásios modernos por bkx arquitectos
  12. Dressing room F.C.Porto Football Team: Ginásios modernos por bkx arquitectos
  13. Dressing room F.C.Porto Football Team: Ginásios modernos por bkx arquitectos
  14. Moradia em fazenda - Tipologia T6: Ginásios campestres por EsboçoSigma, Lda
    Ad
  15. Luz e sombra: Ginásios modernos por DSA, Architects International
  16. Vista geral: Ginásios modernos por DSA, Architects International
  17. Entrada: Ginásios modernos por DSA, Architects International
  18. Colégio João Paulo II: Ginásios minimalistas por Alberto Lobo Gonçalves, arquitecto
  19. Colégio João Paulo II: Ginásios minimalistas por Alberto Lobo Gonçalves, arquitecto
  20. INSTITUTO DO DESPORTO DE PORTUGAL - Complexo Desportivo do Jamor - Centro de Alto Rendimento de Ténis: Ginásios modernos por Jorge Lopes, LABORATÓRIO DE ARQUITECTURA
  21. INSTITUTO DO DESPORTO DE PORTUGAL - Complexo Desportivo do Jamor - Centro de Alto Rendimento de Ténis: Ginásios modernos por Jorge Lopes, LABORATÓRIO DE ARQUITECTURA
  22. Centro de Alto Rendimento de Ténis do Jamor: Ginásios industriais por Jorge Lopes, LABORATÓRIO DE ARQUITECTURA
  23. Centro de Alto Rendimento de Ténis do Jamor: Ginásios industriais por Jorge Lopes, LABORATÓRIO DE ARQUITECTURA
  24. Centro de Alto Rendimento de Ténis do Jamor: Ginásios industriais por Jorge Lopes, LABORATÓRIO DE ARQUITECTURA
  25. Casa Loureiro: Ginásios modernos por Esquissos 3G
  26. MORADIA ESTORIL: Ginásios modernos por fernando piçarra fotografia
  27. Casa J+L (em colaboração com o Gabinete "Esquissos 3G"): Ginásios modernos por Ricardo Baptista, Arquitecto
  28. 1171-MC-1110: Ginásios modernos por Oliveiros Grupo
  29. Casa Rui Leal: Ginásios modernos por Lousinha Arquitectos
  30. Faculdade de Motricidade Humana – Rigor técnico até na luz: Ginásios clássicos por Aura Light
  31. Faculdade de Motricidade Humana – Rigor técnico até na luz: Ginásios clássicos por Aura Light
  32. Faculdade de Motricidade Humana – Rigor técnico até na luz: Ginásios clássicos por Aura Light
  33. Recuperação e Ampliação Moradia final séc.XIX: Ginásios modernos por menturbana

Ideias e inspiração para ginásios caseiros

Enquanto procura inspiração para o ginásio de casa perfeito, pode guardar imagens que lhe chamem a atenção para o seu próprio “livro de ideias” personalizado da homify, e ao longo do tempo pode construir uma noção melhor do layout e equipamentos de ginásio que podem encaixar em qualquer casa ou estilo. Esteja sempre atento às limitações, quer nos custos, espaço ou estilo, uma vez que os equipamentos de ginásio terão de caber num espaço limitado e, dependendo do equipamento, podem levantar preocupações orçamentais. Quando projetar algumas das suas ideias para o ginásio, lembre-se sempre de se concentrar na razão inicial de estar a adicionar um ginásio à sua casa. 

Qual é o design perfeito para ginásios em casa?

A resposta simples é que tudo depende das suas próprias preferências pessoais. Não há uma verdadeira resposta para esta pergunta, uma vez que cada pessoa quer conseguir algo diferente do seu ginásio pessoal. Idealmente, porém, cada design de ginásio terá um aspeto orgânico, preenchendo todo o espaço disponível enquanto oferece espaço suficiente para se mover. Se o design do ginásio se torna muito confuso, então o impacto visual de um ginásio desorganizado poderá ter o efeito oposto ao pretendido. O design deve criar uma sensação de conforto, confiança e, mais importante, de produtividade, porque afinal de contas, se você projetar e construir um ginásio em casa e não usar o seu tempo de exercício sabiamente, então fez todo um investimento para nada.

Onde é que posso encontrar ideias para ginásios em casa?

A inspiração pode vir de qualquer lugar. Uma das coisas mais importantes a ter em mente é garantir que adiciona um pouco do seu próprio gosto pessoal ao ginásio… Apesar de tudo, continua a ser a sua própria casa. Por todo o website da homify pode encontrar inúmeros exemplos de outros ginásios de casa para um pouco de inspiração de estilo, layout e equipamentos. Mantenha a sua inspiração no ponto com a ajuda de um “livro de ideias” da homify, que atua como um álbum de recortes virtual cheio de ideias. Pode até mesmo adicionar notas de texto ao seu “livro de ideias” para que construa uma imagem mental do seu ginásio ideal ao longo do tempo.

Como posso criar o meu ginásio em casa?

Em geral, há duas maneiras de projetar e construir um ginásio em casa. O método mais comum é, claro, o de projetar e construir você mesmo, o que tende a ser um pouco mais demorado mas mais eficiente em termos de custos. O segundo método é contratar um profissional que possa lidar com a conversão de uma divisão extra num ginásio em casa, assim como com a compra e instalação de todo o equipamento necessário. Embora o segundo método venha com a paz de espírito de que terá em breve o seu ginásio de sonho profissionalmente equipado, também vem com um custo mais elevado.

Que cor de parede deveria escolher para o meu ginásio?

Como qualquer outra divisão da casa, isso depende em grande parte da preferência pessoal, mas algumas cores são inadequadas para certas divisões e para a sua função. Enquanto uma sala de estar é mais adequada para cores quentes e acolhedoras, um ginásio deve empregar cores que o ajudem a sentir-se confiante, motivado e produtivo. No entanto, isso não significa que as cores têm de ser estéreis ou clínicas. Diferentes cores trazem diferentes ambientes a um ginásio. Um cor de laranja picante cria muita energia se quiser divertir-se enquanto se exercita. Azul pálido ou pastel ajudam a manter o espaço mais fresco, o que poderia ajudá-lo a fazer exercício durante mais tempo, mesmo depois de começar a suar. Um amarelo suave é muito mais subtil e é ideal para ginásios em casa sem janelas, pois cria vibrações mais positivas quando a luz natural não está disponível. Uma coisa que normalmente fica esquecida é que o teto é a quinta parede e você pode até passar muito tempo a olhar para ele enquanto faz abdominais ou qualquer outro tipo de exercícios. Uma cor rica e profunda como o cinza ou o azul Buckland podem ajudar a dar um pouco mais de determinação.

Que cor de parede deveria escolher para o meu ginásio?

Como qualquer outra divisão da casa, isso depende em grande parte da preferência pessoal, mas algumas cores são inadequadas para certas divisões e para a sua função. Enquanto uma sala de estar é mais adequada para cores quentes e acolhedoras, um ginásio deve empregar cores que o ajudem a sentir-se confiante, motivado e produtivo. No entanto, isso não significa que as cores têm de ser estéreis ou clínicas. Diferentes cores trazem diferentes ambientes a um ginásio. Um cor de laranja picante cria muita energia se quiser divertir-se enquanto se exercita. Azul pálido ou pastel ajudam a manter o espaço mais fresco, o que poderia ajudá-lo a fazer exercício durante mais tempo, mesmo depois de começar a suar. Um amarelo suave é muito mais subtil e é ideal para ginásios em casa sem janelas, pois cria vibrações mais positivas quando a luz natural não está disponível. Uma coisa que normalmente fica esquecida é que o teto é a quinta parede e você pode até passar muito tempo a olhar para ele enquanto faz abdominais ou qualquer outro tipo de exercícios. Uma cor rica e profunda como o cinza ou o azul Buckland podem ajudar a dar um pouco mais de determinação.

Que pavimento deveria usar no meu ginásio?

Quer o ginásio seja no piso térreo ou num andar superior, é importante que o chão seja uma superfície não escorregadia durável, não só para sua segurança mas também para que não haja danos na estrutura se o seu ginásio contém pesos pesados. Um piso popular em ginásios profissionais é a borracha, tanto em tapetes desenroláveis como em azulejos interligáveis. Tapetes de borracha para estábulos de cavalos não só são duráveis o suficiente para absorver o choque de pesos que possam cair, mas também são baratos e estão disponíveis em vários tamanhos para que você possa facilmente encaixá-los em qualquer tamanho de sala. Piso laminado é um dos métodos mais baratos de pavimentação para o seu ginásio, no entanto, como pode ficar facilmente raspado ou arranhado, só pode ser recomendado para ginásios sem pesos livres pesados.

De que equipamentos vou precisar? 

Isso depende de qual é a sua meta. Se está interessado no treino de força, então deve apostar em vários pesos livres como halteres, barras, bancos, e, claro, prateleiras resistentes para arrumar os pesos. Para o fitness geral, equipamentos úteis incluem tapetes de ioga, bolas de exercício, bancos e kettlebells. Dependendo do seu orçamento, também pode comprar uma passadeira, uma máquina de remo e uma bicicleta ergométrica. Uma das maneiras mais eficientes de montar um ginásio é com uma máquina “multi gym”. Estas variam em preço, mas são máquinas polivalentes que podem exercitar os principais grupos musculares do corpo, incluindo os braços, pernas, ombros, costas e core.

Como converto uma divisão extra num ginásio?

Converter uma divisão extra num ginásio é um processo relativamente simples. A divisão tem que primeiro ser despojada de todos os itens, incluindo mobiliário e qualquer piso inadequado. Considere o sítio da casa onde será o ginásio, por causa da poluição sonora que pode perturbar outros quartos na casa. Se for possível, o ideal seria tornar as paredes à prova de som, utilizando espuma isolante especial para evitar que qualquer ruído escape. As paredes (e teto) podem então ser pintadas da cor apropriada antes do pavimento ser instalado (se necessário). Finalmente, certifique-se de que sabe onde todo o equipamento deve ser colocado de antemão, pois isso pode evitar quaisquer reorganizações futuras.

Que estilo deveria escolher para o meu ginásio?

Um design pode revelar muito sobre uma pessoa. Certifique-se de que escolhe um design de ginásio em casa que não seja apenas prático, mas que se adapte também ao seu gosto pessoal. Tudo, desde as cores à organização dos equipamentos, pode fazer com que a aparência da divisão seja drasticamente diferente. Portanto, é importante entender o que está à procura quando projeta um ginásio em casa… Mas lembre-se: também é possível misturar diferentes estilos para criar algo verdadeiramente original.

Ginásios de estilo moderno

Os estilos modernos costumam borrar a linha entre o design clássico e minimalista, com o objetivo de acompanhar as tendências de hoje, permanecendo prático. A beleza de um design moderno é que, como as tendências vêm e vão, pequenos ajustes na decoração são tudo o que é necessário para que se mantenha atualizado. Fazer pequenas alterações na cor das paredes ou no design do papel de parede ou mesmo atualizar equipamentos em favor de designs mais simplificados e elegantes, à medida que os fundos se tornam disponíveis, são tudo o que preciso para manter um ginásio de estilo moderno. Cores suaves e subtis, tais como amarelos e azuis pálidos podem ajudar a fazer com que a sala pareça muito mais brilhante, especialmente se não houver nenhuma janela no quarto. 

Ginásios de estilo rústico

O estilo rústico junta madeira, tijolo e temas acolhedores similares ao estilo escandinavo e tem visto um aumento recente na popularidade, especialmente em salas de estar. Madeira ou tijolo expostos, peles, pisos de madeira e cores acolhedoras, tais como castanhos profundos e verdes podem realmente potencializar as vibrações rústicas em qualquer ginásio caseiro. Pode ser fácil deixar-se levar pelo aspeto acolhedor do design rústico, no entanto, por vezes, menos é mais, e um ginásio rústico pode realmente beneficiar de um layout simples sem exagerar a decoração. 

Ginásios de estilo minimalista 

Minimalismo é o essencial. Reduzir a desordem e os efeitos pessoais é a chave para alcançar um ginásio de estilo verdadeiramente minimalista. Linhas limpas, muito espaço e cores simples são as principais características deste design. Cores como branco, azul escuro, verde e preto são algumas das simples mas impressionantes maneiras de criar uma vibe minimalista. Abundância de espaço é essencial, portanto, em salas mais pequenas, seria uma boa ideia incorporar o espaço de armazenamento e armários nas paredes. Cimento nu e piso de madeira são típicos do design minimalista.