Garagens pré-fabricadas: inspiração, fotos e projetos de interiores | homify Garagens pré-fabricadas: inspiração, fotos e projetos de interiores

Garagens pré-fabricadas: inspiração, fotos e projetos de interiores

  1. T2, com Garagem + Grill - Casa em Madeira - Tarouca por Breeze House Rústico Madeira Acabamento em madeira
  2. T2, com Garagem + Grill - Casa em Madeira - Tarouca por Breeze House Rústico Madeira Acabamento em madeira
  3. Precisa de ajuda com o projecto de sua casa?
  4. por kisetsu Moderno Ferro/Aço
  5. por Ogrodolandia Moderno
  6. por ecospace españa Moderno Madeira Acabamento em madeira
  7. Casa Granada por Estúdio HAA! Moderno
  8. Precisa de ajuda com o projecto de sua casa?
  9. por Ogrodolandia Clássico
  10. por reisubroc architects Moderno
  11. por PJV Arquitetura Moderno
  12. por 熊倉建築設計事務所 Moderno Madeira Acabamento em madeira
  13. por QCASA.Madrid. Viviendas industrializadas eficientes de hormigón Moderno Betão
    Ad
  14. por Aeon Construction Industrial Betão armado
  15. por Aeon Construction Industrial
  16. por ELホーム/KURASU HOUSE Industrial
  17. por herrería gonzalez Rústico Metal
  18. por ヒココニシアーキテクチュア株式会社 Moderno Azulejo
  19. por CASETTE ITALIA CASETTE DI LEGNO Clássico
  20. Our Gallery por Aquevo Campestre
  21. Our Gallery por Aquevo Campestre
  22. por Con Contenedores S.A. de C.V. Industrial
  23. por (株)バウハウス Moderno Madeira Acabamento em madeira
  24. por (株)バウハウス Moderno Azulejo
  25. por 久友設計株式会社 Minimalista Betão armado
  26. por 建築設計事務所 可児公一植美雪/KANIUE ARCHITECTS Moderno Betão armado
  27. por WORKS WISE Moderno
  28. por 家山真建築研究室 Makoto Ieyama Architect Office Minimalista
  29. por 家山真建築研究室 Makoto Ieyama Architect Office Minimalista
  30. por 株式会社田渕建築設計事務所 Eclético
  31. por Siebau Raumsysteme GmbH & Co KG Moderno Ferro/Aço
  32. por Siebau Raumsysteme GmbH & Co KG Moderno Ferro/Aço
  33. por Siebau Raumsysteme GmbH & Co KG Moderno Ferro/Aço

O que é uma garagem pré-fabricada ou modular? 

À semelhança das casas modulares, as garagens modulares e pré-fabricadas são estruturas para a construção de garagens pré-desenhadas e pré-construídas na fábrica, e que apenas necessitam de montagem no local de instalação. 

Normalmente este tipo de garagens vem em duas formas: 

- já totalmente montadas pela empresa construtora, em que é necessário uma grua para a sua colocação sobre a base previamente construída; 

- em kit de montagem que dispensa gruas ou máquinas, mas necessita de montagem in loco. Este tipo de montagem poderá ser feito por si, como um projeto pessoal, ou entregue à empresa de profissionais na área de construções modulares que lhe fornece o kit. E se decidir fazer você mesmo saiba que pode consegui-lo em apenas um ou dois dias, se contar com a ajuda de amigos (o que se pode tornar num projeto deveras aliciante e gratificante).

Materiais 

Há garagens pré-fabricada e/ou modulares feitas essencialmente em três materiais: madeira, aço e betão. 

Madeira - As garagens modulares ou pré-fabricadas feitas de madeira são uma das opções mais tomadas devido à sua facilidade de construção e à redução de custos que isso gera. 

Há uma tendência para este material ser usado sobretudo em estruturas mais pequenas, para um carro só e alguma arrumação, mas isso não significa que não existem estruturas maiores. 

A madeira usualmente é proveniente culturas sustentáveis por isso têm uma faceta bastante ecológica, além de um estilo bastante bonito, que se enquadra bem nas nossas paisagens. 

Mas o facto de ser uma estrutura pequena de madeira não isenta estas garagens dos respetivos processos de licenciamento, pelo que é aconselhável contactar um profissional e as entidades oficiais antes de iniciar a sua construção, bem antes da fase de instalação. Estes tipos de procedimentos e licenças são igualmente necessários para qualquer tipo de garagens extra na sua propriedade. 

Aço – o aço é um material extremamente resistente por isso se procura uma estrutura que realmente proporcione um espaço seguro para os seus veículos ou outros pertences, esta é a opção mais correta.Este tipo de garagens é também normalmente a escolha de quem pretende um espaço maior e mais multifacetado, que implique vários veículos e outras funcionalidades, e onde haja necessidade de ventilação.  Antes de tomar a decisão informe-se se o seu terreno é adequado e quais as licenças necessárias.

Betão e suas variantes – este material normalmente não é utilizado sozinho devido ao seu peso. Usualmente os painéis que constituem a construção têm um núcleo de cimento leve entre dois painéis de silicato de cálcio. 

Este tipo de material é mais caro e tem uma montagem um pouco mais complicada, que se justifica se necessita de resistência aliada a versatilidade. 

Além dos benefícios já referidos, embora o seu preço seja mais elevado, há ainda que considerar a adequabilidade a vários tipos de acabamentos, a sua resistência ao clima e facilidade de incorporação de eletricidade, água e esgotos, se precisar de um espaço mais elaborado.

Fundações 

Antes de passar à interessante fase de montagem dos módulos ou à instalação da estrutura final é necessário preparar e o terreno, alisando-o e terraplenando-o, e construir as fundações onde a garagem ficará assente. 

A necessidade e tipo de preparação do terreno será ditada pelo tipo de garagem pré-fabricada a ser instalada e ser-lhe-á recomendado pelo profissional que lhe fornecer a garagem e esse trabalho poderá inclusivamente ser-lhe contratado. 

As fundações mais utilizadas são feitas de maciços de betão ou de pedra. A sua profundidade é variável segundo os cálculos de carga e a geologia do terreno (pode ser necessário um estudo do solo feito por um profissional). Os encaixes a realizar vão depender do tipo de estrutura, do material e do fornecedor.

Construção “faça você mesmo” de uma garagem pré-fabricada 

a) determinação do local onde a garagem vai ficar instalada, aferição da adequabilidade do terreno em termos de drenagem e de nivelamento (possível estudo do solo), e decisão das necessidades em termos de tamanho, com a necessária adequação às condições do local; 

b) licenciamento em sede própria (Câmara Municipal); 

c) aquisição dos materiais de segurança necessários (muitas vezes vêm recomendados nas instruções de montagem ou são sugeridos pelo fornecedor). O mínimo será um bom par de luvas de trabalho resistentes, óculos de proteção e calçado de proteção. Poderá ser aconselhável um fato de trabalho e um capacete, consoante a obra a executar; 

d) fazer as fundações. Este passo pode representar uma dor de cabeça para quem não percebe muito de construção civil, elo que pode ser recomendável solicitar o trabalho a um empreiteiro qualificado, por exemplo. 

e) ler as instruções com muita atenção e proceder à montagem da estrutura.

Preços 

Uma garagem para um carro em madeira simples fica por cerca de 4000 Euros (geralmente um pouco mais, embora consiga encontrar por menos), para dois carros uma estrutura de idêntico design é cerca de 900 Euros mais cara. Um galpão para um carro ou dois, em aço, consegue ter valores mais baixos, rondando os 3000, mas por vezes o estilo deixa um pouco a desejar. 

O betão modular é realmente o mais caro, mas também é o que mais se aproxima de uma casa pré-fabricada. 

Aqui estamos a falar de modelos simples, ou de baixa complexidade, pois os preços vão variar muito com o tipo de estrutura, mas também com o material, com o tamanho e com o fornecedor.

Garagem de construção tradicional versus garagem pré-fabricada 

1. Preço – os orçamentos para as garagens pré-fabricadas têm entre 1/3 até 1/8 do valor, incluindo as fundações. No entanto estes números dependem diretamente do modelo, do fabricante e da qualidade, bem como do empreiteiro da garagem de construção tradicional, pelo que isto pode não funcionar s empre; 

2. Tempo de construção – aqui não há muitas dúvidas: uma garagem pré-fabricada é instalada em menos tempo do que o necessário à construção de uma garagem tradicional. Normalmente conta-se 1 dia para colocar o cimento da fundação, 3 -5 dias para este endurecer, e depois, dependendo da complexidade, do tamanho, da experiência de quem executa o trabalho, do número de pessoas fazê- la, etc., pode levar um mínimo de 16 horas a um máximo de 14 dias; 

3. Qualidade/durabilidade – tradicionalmente consideram-se as estruturas de construção tradicional mais duradouras e com mais qualidade, especialmente se forem bem construídas (o que pode sair caro), no entanto com as novas tecnologias as estruturas pré-fabricadas já têm excelente qualidade e durabilidade, quase equivalentes (embora os modelos de topo sejam bem mais caros); 

4. A grande vantagem das garagens de construção tradicional é mesmo a possibilidade de customização e adaptação a necessidade específicas, que é bastante limitada os pré-fabricado.