Cozinhas mediterrânicas: inspiração, fotos e projetos de interiores

  1. Luxo e Imponência | Fotografia de Arquitectura: Cozinhas  por Pedro Queiroga | Fotógrafo
  2. Remodeling in Beja: Cozinhas  por Grupo Norma
    Ad
  3. Precisa de ajuda com a sua cozinha?
    Precisa de ajuda com a sua cozinha?
  4. Cozinhas  por homify
  5. Cozinha: Armários de cozinha  por IAM Interiores
    Ad
  6. Cozinhas  por homify
  7. Remodelação e decoração de Cozinha Algarvia: Cozinhas  por The Interiors Online
  8. Precisa de ajuda com a sua cozinha?
    Precisa de ajuda com a sua cozinha?
  9. Cozinhas  por homify
  10. Cozinha | Kitchen: Cozinhas  por FMO ARCHITECTURE
  11. Kitchen 03: Cozinhas  por Pedro Brás - Fotografia de Interiores e Arquitectura | Hotelaria | Imobiliárias | Comercial
  12. Kitchen 02: Cozinhas  por Pedro Brás - Fotografia de Interiores e Arquitectura | Hotelaria | Imobiliárias | Comercial
  13. Kitchen 01: Cozinhas  por Pedro Brás - Fotografia de Interiores e Arquitectura | Hotelaria | Imobiliárias | Comercial
  14. Oven and Barbecue: Cozinhas  por Pedro Brás - Fotografia de Interiores e Arquitectura | Hotelaria | Imobiliárias | Comercial
  15. Casa Quionga: Cozinhas  por [i]da arquitectos
  16. Casa Quionga: Cozinhas  por [i]da arquitectos
  17. Casa Quionga: Cozinhas  por [i]da arquitectos
  18. Apartamento T2 São Vicente - Lisboa: Cozinhas  por EU LISBOA
  19. Apartamento T3 Duplex Penha França: Cozinhas  por EU LISBOA
  20. Apartamento T2 Alto São João - Lisboa: Cozinhas  por EU LISBOA
  21. : Cozinhas embutidas  por Design Studio Yuriy Zimenko
  22. Apartamento T1 Campolide: Cozinhas  por EU LISBOA
  23. Cozinha Lacado alto brilho : Cozinhas embutidas  por Portochic
  24. Remodelação de Cozinha em Aveiro: Cozinhas  por Protega
  25. T2BellaVista RENOVATIO: Cozinhas  por casasrenovatio
  26. T2BellaVista RENOVATIO: Cozinhas  por casasrenovatio
  27. Casa-Páteo Lisboeta: Cozinhas  por casasrenovatio
  28. Casa-Páteo Lisboeta: Cozinhas  por casasrenovatio
  29. Riad Paris & Fahd em Marraquexe: Cozinhas  por Protega
  30. Riad Paris & Fahd em Marraquexe: Cozinhas  por Protega
  31. Apartamento T3 Alvalade: Cozinhas  por EU LISBOA
  32. Apartamento T2 Sta. Maria Belém: Armários de cozinha  por EU LISBOA
  33. Apartamento T2 Sta. Maria Belém: Armários de cozinha  por EU LISBOA

O que define uma cozinha de estilo mediterrânico? 

Um passado reinventado entre o mar e a serra. As antigas cozinhas, um pouco campestres, bastante rústicas, feitas de pedra e madeira, tecida dos materiais naturais das regiões ao sul da Europa, revivem e ganham novas funcionalidades sem perder o seu tom acolhedor. O cheiro do peixe na grelha, a palha seca no horizonte, o faiscante céu azul e o mar ali perto, marcam as cores que compõem estas cozinhas, vestidas de castanho, bege, terracota e azul. É a simplicidade do mundo rústico a protagonizar um estilo bem atual! 

Reproduzir estas características numa casa de campo é relativamente simples, mas fazê-lo num apartamento aninhado numa grande cidade pode não ser assim tão fácil. Nem sempre se pode ter um fogão de lenha ou uma grelha a carvão… Nem sempre a área é tão ampla e arejada como gostaríamos, e por vezes não podemos instalar os revestimentos que o estilo pede. O que fazer, se o nosso sonho é ter aquela cozinha que tínhamos nas férias na serra Algarvia mesmo na nossa casa da cidade? 

Não é fácil adaptar este estilo em qualquer casa moderna, mas não é de todo impossível. Se está a sentir-se desanimado ao olhar para a sua cozinha atual e não sabe como mudá-la, peça ajuda. Contrate um designer de cozinhas! Um destes profissionais vai conseguir orientá-lo nas escolhas e no planeamento para ter a sua cozinha de sonho. Ele vai procurar adaptar da forma mais harmoniosa possível a sua cozinha ao estilo escolhido, apresentando-lhe alternativas sempre que os seus desejos não possam ser cumpridos na íntegra, e estudando os melhores materiais para perseguir o objetivo sem se desviar ou cometer erros. 

Na homify vai encontrar as imagens mais inspiradoras e os melhores profissionais para o acompanhar no processo de ter uma cozinha mediterrânica. Explore o nosso site e descubra um mundo de possibilidades!

Os armários numa cozinha mediterrânica 

Os armários são o ponto forte na decoração de qualquer cozinha, e no caso de uma cozinha mediterrânica a escolha deve ser bem feita para que o ambiente fique dentro do que se pretende neste estilo. Mas não existe uma regra fixa para estipular como são os armários ideias para o estilo mediterrânico… O que existe são tendências de materiais, formas e cores. 

Pode escolher armários de chão, armários aéreos, ou ambos para um total aproveitamento do espaço disponível, mas o importante é que os módulos sejam feitos de madeira de boa qualidade e que tenham um estilo entre o clássico antigo e o moderno revivalista. Devem ter puxadores à vista, em madeira ou metal, sempre com um toque antiquado, sejam mais refinados ou mais rústicos. 

Quanto às cores, se optar pelo tom da madeira natural ou pelo branco não vai errar, mas uns armários azuis marinhos vão de certeza trazer a brisa marítima para a sua cozinha. No caso de escolher armários com cores (o verde seco e o bege também são opções válidas) precisa de manter o resto da decoração em tons mais neutros para não sobrecarregar visualmente o ambiente. 

Se pretender manter a cozinha mais tradicional e com um toque campestre pode prescindir dos armários aéreos e optar pela instalação de prateleiras para colocar as loiças à vista e ganchos para pendurar panelas e acessórios de cozinha. 

Quanto aos materiais, o melhor mesmo a madeira maciça, mas é também a mais cara, por isso pode pode substituí-la, pelo menos parcialmente por compensados de madeira de alto rendimento e por laminados com acabamento de madeira. O que não pode mesmo é acrescentar pormenores de aço inoxidável que dão um ar demasiado industrial para se enquadrar neste estilo.

As bancadas, lava-loiças e revestimentos  

Nas paredes de uma cozinha mediterrânica o azulejo é rei! Pode escolher azulejos lisos monocromáticos, combinando por exemplo azul e branco, ou aplicar pelo menos uma parede com azulejos de padrão geométrico retro vintage. O azul e o branco são mesmo as cores da alma mediterrânica, mas o amarelo-torrado, o laranja e o terracota não são menos, por isso se acha o azul demasiado fresco para a sua cozinha longe do mar, escolha azulejos nestas cores, ou pelo menos aplique secções delas (um friso ou um acabamento de parede por exemplo). 

Outros revestimentos alternativos para as paredes são o tijolo aparente e a pedra calcária. O micro cimento com acabamento em bege tornou-se numa belíssima alternativa, muito moderna e simultaneamente com um toque de rusticidade. Este material é também uma solução muito interessante para criar pias de lava-loiças numa peça única com a bancada, uma escolha que, se for bem conseguida, resulta muito bem no estilo mediterrânico. 

E por falar em lava-loiças… Para além desta ideia do micro cimento, as pias de lava-loiças mais usadas para uma cozinha desenhada ao estilo mediterrânico são feitas de cerâmica, mas se o seu orçamento não for muito grande, e como este é um estilo modesto por natureza, um lava-loiças de inox pode ser uma solução aceitável. 

Para as bancadas não há muitas regras estabelecidas, mas a madeira é sempre uma boa escolha. A pedra natural, sobretudo em tons de bege ou cinzento. O mármore é uma pedra proveniente das regiões mediterrânicas e é também uma boa opção, pese embora a sua fragilidade e necessidade de manutenção.

O fogão 

Neste estilo o fogão não precisa de ter um design especial ou retro. Qualquer fogão pode ser utilizado numa cozinha de estilo mediterrânico, pois este estilo despojado dá uma grande liberdade para misturar conceitos. O nosso único conselho é que escolha um equipamento de qualidade, que possa ser encastrado nos armários, deixando-lhes a primazia estética. 

Cortinas e acessórios decorativos 

Este estilo não impõe restrições à estética das cortinas, e se elas forem necessários pode escolher as que mais lhe agradarem. Mas por uma questão de coerência cromática a cor mais utilizada é o branco. O azul claro, um padrão floral discreto ou uma barra em renda artesanal também ficam perfeitos. 

No caso dos acessórios decorativos, lembramos que este estilo é despojado e tem um toque rústico, pelo que acessórios de cozinha em materiais naturais serão uma escolha acertada. Colheres e espátulas de madeira, panelas de cobre, tábuas de corte em madeira e cestos de vime são elementos predominantes nesta estética. Os cestos de vime ficam muito bem. Use-os como fruteira e tem um centro de mesa perfeito! 

Escolher loiças azuis ou de porcelana creme vai permitir-lhe manter a ligação ao mar e à praia.