Casas passivas: inspiração, fotos e projetos de arquitetura│homify Casas passivas: inspiração, fotos e projetos de arquitetura
Error: Cannot find module './CookieBanner' at eval (webpack:///./app/assets/javascripts/webpack/react-components_lazy_^\.\/.*$_namespace_object?:3644:12) at at process._tickCallback (internal/process/next_tick.js:189:7) at Function.Module.runMain (module.js:696:11) at startup (bootstrap_node.js:204:16) at bootstrap_node.js:625:3

Casas passivas: inspiração, fotos e projetos de arquitetura

O que é uma casa passiva?

O termo casa passiva deriva do alemão “passivhaus” e é um tipo de construção que tem como objectivo a ausência de aquecimento e arrefecimento num máximo de sustentabilidade possível. Um tipo de construção que reduz a pegada ecológica devido à sua eficiência energética.

A primeira conversa sobre este assunto foi em Maio de 1988 entre Bo Adamson e Wolfgang Feist e o conceito até à data inovador, foi desenvolvido através de uma série de projectos de investigação auxiliados financeiramente pela estado alemão de Hessen (um estado da Alemanha).

Quais as características de uma casa passiva?

Não só um edifício habitacional pode recorrer a este tipo de arquitectura, mas também pode ser aplicado em áreas de escritórios, escolas e supermercados. O lado passivo num edifício não é um “acessório” adicionado ao projecto arquitectónico, mas sim algo que faz parte integrante do projecto de design do mesmo.

Quando este tipo de construção se encontra dentro dos padrões, recebe um certificado alemão que comprova a sua arquitectura sustentável, por isso também é comum chamarmos casa sustentável ou casa ecológica.

A casa passiva é, uma habitação que garante o conforto térmico sem qualquer fonte de aquecimento, ou seja, sem qualquer sistema de aquecimento "convencional" (a gás ou eléctrico). Portanto, esta é uma casa que maximiza a eficiência energética.

A soma das contribuições do calor solar transmitido a partir das janelas e o calor gerado internamente através dos moradores e de alguns aparelhos electrónicos,são quase suficientes para compensar as perdas durante a estação fria .

A energia necessária para igualar o equilíbrio térmico do edifício é normalmente fornecido com sistemas não convencionais, como: painéis fotovoltaicos solares, painéis solares térmicos ou bomba de calor para aquecer o ar de ventilação controlada na recuperação de energia.

Quais os materiais mais usados neste tipo de construção?

Como os materiais de construção têm diferentes calores específicos e como se pretende obter a máxima eficácia térmica, são aconselhados os materiais tradicionais mais pesados, como pedra, betão, tijolo e madeira. Estes mesmos materiais devem estar expostos aos ambientes interiores para poderem exercer a sua função de acumulação e de libertar calor e frio.

A madeira é um óptimo exemplo já que tem a capacidade e absorver a umidade e melhora a qualidade do ar.

Para evitar que a construção sofra detrimento, ao lado de um isolamento eficaz, é essencial que todas as partes da construção sejam herméticas a todos os níveis. hermeticidade edifício envelope.

As casas passivas são a prova de que a sustentabilidade e a arquitectura moderna podem funcionar muito bem juntas.

Como é que uma casa passiva enfrenta Verões e Invernos?

Uma casa passiva deverá cumprir com os seguintes requisitos:

- Tem de ter um bom isolamento

- Tem de ser estanque/hermética

- Não pode ter pontes térmicas

- Tem de ter janelas eficientes (idealmente de vidros triplos)

- Tem de estar orientada ao sol

- Tem de ter ventilação mecânica que faz a troca de ar sem deixar o calor sair

- Quando cumpridos estes requisitos consegue-se poupar dinheiro e ajudar o meio ambiente.

Existem casas passivas em Portugal?

Em 2015 existiam apenas 3 casas passivas em Portugal - duas moradias em Ílhavo e uma unidade de alojamento local na Costa Nova, também no concelho de Ílhavo.

Qual o preço das casas passivas?

Tudo depende dos materiais usados e a sua qualidade, mas podemos afirmar que uma casa passiva pode custar exactamente o mesmo que uma casa normal e ainda vir a poupar muito durante os longos anos de uso - é mesmo possível construir uma casa passiva sem que exista o acréscimo no custo de construção.

No entanto, como qualquer outro produto de elevada qualidade, obriga a que a qualidade seja garantida em todas as fases do seu processo, desde os estudos e projetos passando pela construção e monitorização e pela correta conjugação de componentes de elevada qualidade.