Adegas: inspiração, fotos e projectos interiores

  1. Casa de Palmar | 2009: Adegas  por Susana Camelo
  2. Garrafeira personalizada em vão de escadas: Adegas  por Volo Vinis
  3. Precisa de ajuda com o projecto de sua casa?
    Precisa de ajuda com o projecto de sua casa?
  4. Moradia em fazenda - Tipologia T6: Adegas  por EsboçoSigma, Lda
    Ad
  5. Garrafeira em favo de Mel: Adegas  por Pedigree Group
  6. Adega Refrigerada: Adegas  por Renata Esbroglio Arquitetura
  7. Casa de Palmar | 2009: Adegas  por Susana Camelo
  8. Precisa de ajuda com o projecto de sua casa?
    Precisa de ajuda com o projecto de sua casa?
  9. PARTY ROOM: Adegas  por MYAH - Make Yourself At Home
  10. Timeless with a twist: Adegas  por Viterbo Interior design
  11. Moradia em fazenda - Tipologia T6: Adegas  por EsboçoSigma, Lda
    Ad
  12. Casa - Freedom: Adegas  por Oficina Design
    Ad
  13. Adega Residencial Climatizada: Adegas  por Volo Vinis
  14. Adega em casa: Adegas  por Pedigree Group
  15. Wine Cellar: Adegas  por Pedro Brás - Fotografia de Interiores e Arquitectura | Hotelaria | Imobiliárias | Comercial
  16. Wine Cellar: Adegas  por Pedro Brás - Fotografia de Interiores e Arquitectura | Hotelaria | Imobiliárias | Comercial
  17. none: Adegas  por RG Home Stylist
  18. Garrafeira: Adegas  por Renata Esbroglio Arquitetura
  19.  Despensa e adega: Adegas  por Clix Mais
  20. Garrafeira personalizada : Adegas  por Volo Vinis
  21. Pizzaria em Carcavelos: Adegas  por aponto
    Ad
  22. Pizzaria em Carcavelos: Adegas  por aponto
    Ad
  23. Lisbon Cooking Academy: Adegas  por Sónia Cruz - Arquitectura
  24. Cafetaria: Adegas  por PRX Gabinete de Arquitectura, Lda
  25. Moradia em fazenda - Tipologia T6: Adegas  por EsboçoSigma, Lda
    Ad
  26. REABILITAÇÃO DE MORADIA E ADEGA . LEIRIA: Adegas  por T O H A ARQUITETOS
  27. REABILITAÇÃO DE MORADIA E ADEGA . LEIRIA: Adegas  por T O H A ARQUITETOS
  28. Garrafeira Personalizada Por Cobermaster Concept: Adegas  por Cobermaster Concept
  29. Garrafeira Personalizada Por Cobermaster Concept: Adegas  por Cobermaster Concept
  30. Garrafeira Personalizada Por Cobermaster Concept: Adegas  por Cobermaster Concept
  31. Gran Hotel Kempinski, Riga: Adegas  por Ferreira de Sá
  32. 3D/Vista 3: Adegas  por ORMIGON ARCHI
  33. Garrafeira Residencial Climatizada: Adegas  por Volo Vinis

Ideias e inspiração para adegas

Uma adega de vinhos é o derradeiro luxo para qualquer um que colecione vinho por lazer ou investimento. A boa notícia é que já não é necessário viver numa casa de campo grande para poder aspirar a ter uma adega. Graças a opções modernas, como salas de vinhos, adegas em forma de silo e unidades de armazenamento de vinho de clima controlado feitos à medida, é possível montar e armazenar uma coleção substancial de pelo menos várias centenas de garrafas numa casa de família comum ou apartamento na cidade. A homify apresenta uma amostragem de ideias de algumas adegas clássicas e contemporâneas. 

O que faz a adega perfeita? 

O papel mais importante da adega é, obviamente, armazenar um conjunto de safras premiadas em condições óptimas. Isto significa que o vinho tem que estar fora do alcance da luz direta do sol e mantido a uma temperatura e humidade constantes. Idealmente, no entanto, a adega também deve ser o lugar onde o conhecedor de vinhos pode disfrutar da sua coleção num ambiente tranquilo e simpático, com uma área de degustação, onde as garrafas podem ser abertas por lazer. E escusado será dizer, a adega também deve estar disposta de forma a exibir a coleção para o seu máximo efeito e torná-la num prazer para ver e admirar.

Onde posso encontrar ideias para adegas?

Com adesão livre, extensas galerias e acesso a milhares de especialistas de todo o mundo, a homify é uma grande fonte de inspiração para qualquer pessoa que esteja a pensar em instalar uma adega. Os membros podem montar um “livro das ideias” virtual das suas opções de adega favoritas para os ajudr a aprimorar os seus conceitos, e mais informações estarão apenas a alguns cliques de distância. Em suma, a homify fornece todas as informações necessárias para desarrolhar os gostos criativos do proprietário de uma casa.

O que preciso de fazer para começar a construir uma adega?

Há uma série de possibilidades quando se trata de criar uma adega. Estas incluem a conversão de uma adega existente ou a construção uma nova adega estilo silo – normalmente acessíveis através de um alçapão e uma escada em espiral – escavada debaixo de uma propriedade. Para aqueles que procuram uma opção menos dispendiosa, é possível transformar uma parte da casa numa sala de vinhos. Esta poderia ser uma secção da cozinha (por exemplo, uma extremidade de uma cozinha em forma de L), mas também poderia ser facilmente no espaço debaixo das escadas ou algum outro canto da casa. Alternativamente, uma parede da sala poderia ser transformada numa unidade de exibição atraente, talvez em conjunto com um bar. Seja qual for a opção, é melhor consultar um designer especialista antes de construir a sua adega para garantir que o resultado final vai manter as suas valiosas castas no melhor estado possível de preservação.

Que paredes deveria escolher para a minha adega?

Para uma adega tradicional subterrânea, paredes de pedra ásperas são uma ótima opção, pois oferecem um contraste dramático com as linhas regulares das prateleiras de vinho. Estas também ficam especialmente bem quando combinadas com tetos e portas abobadados para recriar o ambiente vintage de uma vinha francesa. Outras alternativas na mesma linha são tijolos à mostra e gesso grosseiramente aplicado. Para uma sala de vinho acima do chão, paredes de vidro funcionam muito bem, separando a coleção no seu próprio gabinete de clima controlado, sem quebrar o fluxo da casa.

Que tipo de pavimento deveria ter na minha adega?

Para uma adega com uma sensação rústica, elementos de pedra, tábuas de carvalho, tapetes grosseiros e até mesmo cimento e lata básicos transmitem um ambiente autenticamente acidentado. Mármore e madeira são alternativas mais chiques, que funcionam bem num andar de cima ou de baixo. Uma dica é evitar qualquer tipo de piso com um odor persistente – alguns tipos de carpetes de cânhamo, por exemplo -, pois isso pode interferir com o sabor do vinho durante as sessões de degustação. Seja qual for o piso decidido, é importante que o subsolo da adega seja completamente seco e impermeável para evitar que qualquer mofo ou humidade extra estraguem a colheita.

Onde posso encontrar ideias de arrumação para adegas?

A homify pode colocá-lo em contato com uma série de revendedores especializados que vendem uma gama das mais recentes opções de armazenamento de vinho, quer se trate de prateleiras de parede, para criar um ponto focal na sala de estar, um refrigerador de vinho elegante para a cozinha ou um atrativo armário de madeira para uma coleção inicial.

Há alguma dica específica sobre decoração de adegas?

Ao planear uma adega de vinho, é melhor começar por decidir quantas prateleiras de vinho necessita de ter e onde as quer colocar, uma vez que não só irão fornecer todo o espaço de armazenamento necessário, como também será o pano de fundo para tudo o resto. Também é inteligente pensar logo de início numa área de degustação, que poderia ser um bar com alguns bancos ou uma pequena e intimista mesa e cadeiras. Estas prioridades são suscetíveis de ser as mesmas quer o projeto seja tradicional, com uma variedade de prateleiras de madeira escolhidas pela textura e cor, ou algo mais contemporâneo, com prateleiras de acrílico ou outras opções inovadoras. Há também a iluminação para considerar. Lâmpadas antiquadas que produzem uma grande quantidade de calor podem ser más para o vinho, mas com iluminação LED moderna, uma adega já não precisa de ser um lugar escuro e sombrio. Usar luzes de pista para iluminar as prateleiras de cima e de trás pode ajudar a mostrar uma coleção e tornar as letras pequenas dos rótulos mais fáceis de ler.

Como decoro a minha adega?

A resposta a esta pergunta depende em parte do estilo da adega – se é tradicionalmente rústica, elegante e luxuosa, ou mais chamativa e moderna. Uma adega de estilo rústico pode fazer uso de barris recuperados, resgates arquitetónicos e uma pesada porta de madeira com uma maçaneta espessa, enquanto num visual elegante poderia optar por estofos em pele e um acabamento simples e elegante, e uma estética mais contemporânea pode empregar iluminação adicional e um bar de última geração. De qualquer forma, é sensato ter o básico coberto – conjuntos de copos, saca-rolhas e qualquer outra coisa que se poderia precisar para provar o vinho. Se o espaço o permitir, uma mesa de jantar e cadeiras poderiam ser incluídos, transformando a adega numa alternativa atmosférica à tradicional sala de jantar, como um lugar para servir uma refeição à noite para amigos e família à luz de velas. A adega também pode ser um bom lugar para exibir uma pequena coleção de arte, livros ou colecionáveis relacionados com vinho, muitas das quais também podem beneficiar do clima controlado. Fazer isso irá dar um toque exclusivo à adega e criar um interessante assunto de conversa com os seus convidados.

Mais estilos de adegas:

Como conseguir: Adegas de estilo clássico 

O estilo clássico incorpora uma série de elementos tradicionais e contemporâneos para uma aparência luxuosa, limpa e moderna. As paredes são muitas vezes pintadas de branco ou feitas de tijolo exposto, com pisos de madeira ou de pedra e prateleiras de madeira. Adequado para ambos os espaços grandes e pequenos, este é um estilo que pode ser adaptado à maioria das casas, integrando-se facilmente em muitos tipos de mobiliário e decoração contemporânea de tendência.

Como conseguir: Adegas de estilo eclético

estilo eclético traz uma abordagem juvenil e peculiar à apresentação e armazenamento do vinho. Um exemplo dessa estética pode ser um armário colorido orgulhosamente instalado na sala de estar, ou uma prateleira de vinhos na cozinha decorada com iluminação LED para uma sensação de bar da moda. É um estilo que rompe as barreiras entre a adega e o resto da casa, e não há regras uma vez que cada indivíduo vai querer basear-se na decoração e esquemas de cores gerais da sua casa ou apartamento.

Como conseguir: Adegas de estilo escandinavo

estilo escandinavo é ideal para quem deseja criar um recanto aconchegante para beber vinho num canto da casa, e resulta particularmente bem com propriedades estilo chalé. As paredes são normalmente pintadas em repousantes e subjugados tons de azul, cinza ou verde, e inclui tipicamente uma poltrona acolchoada num tecido discreto às riscas ou de xadrez, uma pequena mesa de degustação redonda e um armário de madeira caiada ou prateleiras vidradas com molduras de madeira para abrigar a mais extensa coleção.

Como conseguir: Adegas de estilo industrial

adega industrial muitas vezes cultiva uma atmosfera robusta e funcional, com elementos como o tijolo exposto, portas de metal, mesas de degustação e banquinhos, sinalização recuperada de vinhas antigas como enfeites de parede e barris de vintage transformados em prateleiras ou displays independentes. Este é um estilo adequado para colecionadores com uma apreciação pela história e património de vinhos delicados. Uma alternativa é optar por um acabamento tipo laboratório, lustroso e limpo, com superfícies brilhantes e polidas – uma estética que é adequada e facilmente alcançável em adegas tipo alçapão instaladas recentemente.